Poesias Online, 
Olá visitante, participe do site.
Página Principal
Acesse sua Conta!
Cadastre-se
Envie sua Poesia
Poesias mais lidas
Últimas inseridas
Poesias mais votadas
Fale Conosco

Agradecimento
Amizade
Amor
Aniversário
Ano Novo
Contos
Depressivas
Desculpas
Dia das Mães
Dia dos Namorados
Dia dos Pais
Espíritas
Evangélicas
Felicidade
Infantis
Natal
Natureza
Opinião do leitor
Paixão
Patrióticas
Paz
Pessoas
Reflexões
Regionais
Saudade
Significado de Sonhos
 
 
 
Web Poesias Online
 

ÁGUAS DO RIO

Data Postagem 11/07/2017, Autoria: Edmundo de Souza

Entro pelo mar
Pra mostrar meu samba,
De Rio a Rio,
Sou Ponta Negra
E Copacabana.

Quero cantar
A miscigenação,
Sudeste e nordeste,
Samba e forró do bom.

Eu vou de cá
E você vem de lá.
Meu rio de janeiro,
Hoje natal vai abraçar.

Vamos fazer juntos
Uma roda de samba,
Nos morros e nas praias,
Toda cidade canta.

Nessa interação,
Uma só voz vai ecoar
O melhor do samba,
Não tem hora pra acabar.

Sem se preocurar
Com o dia raiando,
Se até o galo já tá cantando,
É sinal que o samba não pode parar.


*Marcelo Maya - Edmundo de Souza.

Dê sua nota!

loading
 
Poesias relacionados a ÁGUAS DO RIO
 

    Comentários para “ÁGUAS DO RIO”








 confirmacao

* Todos os campos são obrigatórios

loading

 
              Copyright 2008 | Poesias Online.com | Todos os direitos reservados