Quantas vezes…

Quantas vezes nós pensamos em desistir,
deixar de lado o ideal e os sonhos,
quantas vezes batemos em retirada
com o coração amargurado pela injustiça.

Quantas vezes sentimos o peso da responsabilidade
sem ter com quem dividir,
quantas vezes sentimos solidão
mesmo cercado de pessaos.

Quantas vezes falamos sem sermos notados
quantas vezes lutamos por uma causa perdida,
quantas vezes voltamos para casa
com a sensação de derrota.

Quantas vezes aquela lágrima teima em cair
justamente na hora em que precisamos
parecer fortes,
quantas vezes pedimos a Deus
um pouco de força
um pouco de luz,
e a resposta vem seja lá como for.

Um sorriso, um olhar cúmplice,
um cartãozinho,
um bilhete,
um gesto de amor
e a gente insiste.

Insiste em prosseguir,
em acreditar,
em transformar,
em dividir
em estar, em ser,
e Deus insiste em nos abençoar,
em nos mostrar o caminho,
aquele mais difícl,
mais complicado,
mais bonito.

E a gente insiste em seguir,
Porque tem uma missão…
Ser feliz!

Abra seus olhos

Não estaria você vivendo no Paraíso, sem perceber?
Não estariam as frutas maduras e suculentas
prontas para serem colhidas,
enquanto você continua a cavar o solo
em busca de frutos amargos?
Não estaria você andando por ruas abarrotadas
de diamantes sem sequer notá-los, quanto menos pegá-los?
Não estaria você ignorando diariamente
oportunidades de ouro, nos poucos momentos que passa
fora da confortável prisão que construiu para sua vida?

Os muros que o separam da plena satisfação,
não teriam sido construídos por
você mesmo?

Existe ouro a ser garimpado em cada momento.
Existe alegria a ser sentida em cada amizade.
Existe um tesouro a ser descoberto em cada problema.

Abra seus olhos.
Abra seu coração.
Olhe em volta, de verdade,
e veja o mundo
maravilhoso em que poderia estar vivendo,
se você quisesse.