FOME DE AMOR (Indriso)

Estou pelas ruas
De noite vagando,
Sedento, sangrando…

De fome morrendo;
Um cachorro louco
Por falta de amor.

Chorando, uivando…

Tamanha é a dor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *