CHOREI (de Edmundo de Souza)

Eu fiz de tudo
Para fazê-la feliz.
Trabalhei o ano inteiro,
Dei pra ela o que ela quis.

Até larguei
O meu samba e a bebida,
A noitada tão querida
E não sei onde eu errei.

Pois,
Aonde ela ia, eu estava,
Eu fiz dela minha vida,
Eu fiz dela minha amada.

Até que um dia,
Ela ma abandonou,
Eu não pude acreditar.
Por que ela me deixou assim?

E agora,
Eu começa mais um dia,
Sem você na minha vida,
Sem sentir o teu calor.

Sozinho,
Eu vou vivendo calado,
Eu vou sofrendo isolado,
Sem você que é meu amor.

Chorei,
Ah, como eu chorei.
Sofri…
Sem saber a onde está você.

Amei,
Ah, como eu te amei.
Perdi…
Uma flor do meu jardim; perdi!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *