Amor à distância…

Quando existe o verdadeiro amor entre duas pessoas,
a distância maior deveria ser da boca ao coração,
distância maior que isso se torna ruim.

À distância nós faz sofrer,
mas também faz aumentar o sentimento do amor.

Longe de ti a saudade aperta dentro do peito.

Fica uma grande dor e uma sensação de abandono.

Ah! Se ao menos pudesse olhar-te por alguns momentos!

Mas por causa da distância só existe a saudade gelada.

Tudo se desfaz quando alvorece e acaba a noite;
é quando o sol nasce em meu coração,
e no amanhecer escuto sua voz ao telefone.

Teus suspiros anunciam o prazer
que vem da tua alma, do teu desejo,
Fecho meus olhos te imagino,
tenho a completa certeza da presença de teu corpo,
toda alegre e descontraída toda menina, toda mulher,
trazendo o teu amor ingênuo ou sem censura.

Prevejo o brilho dos teus olhos,
brilham mais que as estrelas do céu.

Como em névoa e em sonhos,
eu te imagino diante de mim e te abraço carinhosamente,
num enlaço eterno.

Então, quando a distância deixa de existir entre nós,
vejo como é bom ter-te em minha vida,
deixamos de ser dois e passamos a ser somente um.

Então numa alegria incontida e um desejo insano,
como num conto de fantasias,
verdadeira magia deixamos a distância para traz,
e nos amamos sem tréguas,
da maneira e forma que queres, que momento sublime!

Tudo é amor, ternura e paz.

Não existe distância, tenho você ao meu alcance,
beijo teus lábios numa emoção incontida,
são tão doces; semelhantes a dois favos de mel!

Agora sei plenamente que para quem ama verdadeiramente não existe,
distância concreta, fronteiras, tempo ou espaço.

Somente quem ama conhece estes acontecimentos e fatos,
verdadeiramente amo.

Quero deixar de sonhar e trazer você para minha realidade.

Como é bom te amar!

Eliezer Lemos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *