PARA 2011

F inalmente a oportunidade
E sta, de um recomeço
L amentar nem vale à pena
I gnore quem te fez pequena
Z ere o que foi tropeço

D eixe as decepções pra trás
O lhe pra frente, confiante
I mponha-se, você é capaz
S air da luta triunfante

M as nunca deixe, na caminhada,
I nvestindo nos projetos seus,
L evar a fé tão desejada

E levar seu coração a Deus

O lha que fazendo o que sempre fez
N ada mudará, sem engano
Z ele pelos seus sonhos, mais uma vez
E que seja realmente um novo ano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *